Inovação para solução de problemas

Apresentamos neste artigo uma visão geral da solução inovadora desenvolvida pela Paradigma S.A. Visitando os links deste site você poderá obter informações mais detalhadas e constatar as vantagens de um novo paradigma para sua organização.

 

A "inovação" e a "gestão" são conceitos com enorme destaque no mundo atual. A inovação deve estar em sintonia com os problemas específicos que cada organização assume como desafios para a plena realização de suas finalidades. É impossível separar a inovação da mudança de paradigmas: novos problemas exigem o nascimento de novos paradigmas, novos pontos de vista sobre antigos problemas também envolvem novos paradigmas.

 

Vivemos na sociedade do conhecimento e um problema que assola as organizações em escala mundial consiste no seguinte: como tornar a gestão da tecnologia da informação e o desenvolvimento dos sistemas de informática mais próximos do usuário?

 

Ou seja: como aumentar o poder e a participação direta do usuário na modelagem de soluções de modo  a proporcionar decisões ágeis, diretas e seguras com maior independência com relação aos processos de desenvolvimento dos especialistas em informática? 

 

O foco da nossa inovação consiste em promover na prática a VISÃO DO USUÁRIO: neste caso, a tecnologia da informação e a informática devem estar subordinadas ao usuário e não o contrário.

 

Por exemplo, considera-se cada vez mais inaceitável no mundo atual que uma pequena modificação em certa funcionalidade de um software demande mais atenção, tempo, esforço e recursos do que as atividades essenciais do próprio negócio da organização.

 

É preciso avançar em direção aos usuários: todas as inovações em termos de gestão com recursos de tecnologia da informação devem ser adequadas ao modo pelo qual o cliente percebe sua organização, formula e resolve os problemas em sintonia com a velocidade das novas demandas.

 

A Paradigma S.A. desenvolveu uma solução inovadora que vai ao encontro dos novos usuários e das organizações que compartilham a sociedade do conhecimento. Veja como isso é possível.

 

 

PRINCIPAIS INOVAÇÕES DA PARADIGMA S.A. 

 

 

[1] UMA FERRAMENTA REVOLUCIONÁRIA PARA O DESENVOLVIMENTO DE SOLUÇÕES ESPECÍFICAS PARA CADA TIPO DE ORGANIZAÇÃO E MODELO DE NEGÓCIO:

 

 

[1.1] UMA FERRAMENTA INOVADORA:

 

Após um longo processo de desenvolvimento e testes a Paradigma S.A. oferece uma ferramenta que permite construir um sistema integrado de gestão de informações em tempo real para cada cliente.

 

FRACTAL SYSTEM – Sistema Dinâmico de Gestão à Distância  é o nome da ferramenta que permite construir sistemas sem a intervenção de programadores e analistas de sistemas. É uma ferramenta inteiramente nacional concebida a partir dos princípios da epistemologia e gestão do conhecimento. A visão geral dos componentes da ferramenta está descrita no organograma a seguir.

 

 

 

ORGANOGRAMA FINAL WEB 

 

 

 

 

 

[1.2] DESENVOLVENDO UM SISTEMA SEM PROGRAMADORES:

 

O FRACTAL SYSTEM atua inicialmente como um metassistema a partir do qual é construída a solução completa do usuário sem a intervenção de programadores e analistas. Desta forma, a tarefa de desenvolvimento dos requisitos solicitados se concentra no conhecimento e necessidades do usuário. O “usuário” é quem solicita os requisitos ou quem utilizará a solução em seu ciclo de vida.

 

[1.3] ACESSO ON LINE PARA MODELAGEM, CONSULTAS E ATUALIZAÇÕES:

 

FRACTAL SYSTEM pode ficar hospedado em servidor da Paradigma ou do cliente e conta com dois tipos de interfaces: as interfaces para MODELAGEM DO SISTEMA  através da internet; as interfaces para ACESSO AO SISTEMA  pela internet.

 

[1.4] ACESSO COM DISPOSITIVOS MÓVEIS:

 

Após a modelagem da solução o sistema resultante pode ser alimentado ou consultado através de qualquer dispositivo conectado à internet. Por exemplo, o sistema pode ser atualizado em tempo real com dados e fotos a partir de qualquer computador convencional, aparelho celular, tablet ou similar, o que permite uma diversidade de aplicações em diferentes tipos de negócios.

 

[1.5] UMA ESTRUTURA QUE É CONSTRUÍDA E GERENCIADA PELO USUÁRIO:

 

Portanto, o FRACTAL SYSTEM constitui uma arquitetura “vazia” até que seja modelado a partir dos requisitos solicitados pelo usuário. A modelagem é realizada de forma on line, em tempo real, o que representa uma revolução quando comparado com métodos usuais de programação de sistemas.

 

[1.6] GESTÃO DE UMA REDE DE OBJETOS:

 

O FRACTAL SYSTEM foi desenvolvido para a modelagem de soluções envolvendo redes de objetos, por exemplo: supermercados, escolas, hospitais, universidades, aeroportos, estações metroviárias, estações ferroviárias e similares. Nada impede que seja utilizado em conjuntos de objetos típicos, por exemplo: aeronaves, máquinas, instrumentos, instalações e similares. Finalmente, os objetos gerenciados podem ser concretos ou abstratos, incluindo atividades, processos e interações, por exemplo: satisfação de usuários, circulação de consumidores, ocupação de espaços, processos produtivos, processos organizacionais e similares.

 

[1.7] O GESTOR / USUÁRIO DEFINE O PONTO DE VISTA SOBRE OS SEUS OBJETOS:

 

No decorrer da modelagem o gestor/usuário pode escolher o ponto de vista a ser adotado com relação aos objetos da sua organização: incluir todos ou alguns setores da organização; incluir aspectos físicos ou apenas organizacionais; ao incluir aspectos físicos, excluir destes os aspectos de manutenção e se fixar apenas na estrutura; incluir inspeção de mercadorias; e assim sucessivamente.

 

Tudo isso é realizado com total apoio e assessoria da equipe da Paradigma compreendendo-se que os gestores tem como foco suas atividades na organização. Contudo, a modelagem pode ser verificada em tempo real pelos gestores/usuários, passando por um refinamento progressivo como se fosse um desenho, mediante a utilização do FRACTAL SYSTEM, sem a necessidade da intermediação de programadores e analistas. Na medida em que a customização ocorre em tempo real, cada modificação sugerida pelos usuários pode ser implantada no desenvolvimento do sistema de forma imediata e segura. Ou seja, o sistema resultante da modelagem pode ser criticado e retificado progressivamente pelos usuários até sua versão final, de forma on line, garantindo a conformidade com respeito aos requisitos e à visão dos usuários.

 

[1.8] É POSSÍVEL MODIFICAR O SISTEMA EM TEMPO REAL:

 

Uma novidade importante. Vamos supor que o gestor/usuário definiu uma modelagem para o sistema de sua organização visando a um conjunto de problemas em certo período de tempo e resolva realizar modificações neste sistema a partir de novas demandas. A experiência demonstra que isso é relativamente comum nas organizações atuais: o gestor que deseja implantar modificações no sistema de forma ágil, segura e direta. O FRACTAL SYSTEM permite que as modificações no sistema sejam realizadas com a mesma facilidade verificada na modelagem inicial: podem ser implantadas em tempo real sem a necessidade de programadores e analistas, preservando o sistema anterior, seus respectivos resultados e indicadores. Imagine se isso tivesse que ser realizado mediante os métodos convencionais de desenvolvimento de sistemas!

 

[1.9] NOSSA ALTERNATIVA PARA OS PRINCIPAIS RISCOS E LIMITAÇÕES DOS SISTEMAS CONVENCIONAIS:

 

Devemos destacar aqui, a título de exemplos, três tipos de riscos que constituem verdadeiros entraves no ciclo de vida dos sistemas convencionais.

 

A primeira possibilidade a ser analisada: o usuário/gestor adquire um sistema especialista para sua organização. Neste caso, a tendência é que a organização tente se adaptar aos requisitos que integram o sistema adquirido. Qualquer adaptação vai exigir um trabalho de programadores e analistas, além de um esforço especial para manter as modificações no escopo técnico do sistema pré-existente. Ou seja, nem todas as modificações necessárias para adaptar o sistema ao modelo e cultura da organização serão viáveis ou até mesmo possíveis: dependerá muitas vezes da decisão dos especialistas em TI. Este tipo de aquisição é sempre precedido pelas perguntas básicas: O que ocorrerá se a organização não se adaptar ao sistema? O que garante que, na prática, o sistema vai de fato funcionar e atender às expectativas dos gestores/usuários?

 

A segunda possibilidade a ser analisada: o usuário/gestor decide pelo desenvolvimento de um sistema para sua organização. O desenvolvimento pode ocorrer a partir de uma equipe própria ou através da contratação de uma fábrica de software. Neste caso, o esforço de definição de todos os requisitos envolve muito tempo e converge para as atividades de programadores e analistas que deverão transformar a visão dos usuários em componentes de um sistema. Este processo leva muito tempo, é oneroso e está permeado de riscos. Exige uma constante atenção com respeito ao gerenciamento do projeto e uma constante estimativa dos esforços envolvidos, custos e prazos. Concluído o processo de desenvolvimento e iniciado o processo de efetiva implantação ocorrem normalmente novas descobertas de funcionalidades, adequações de parâmetros e modificações que podem ser decisivas para o correto funcionamento do sistema desenvolvido. Novamente, estamos diante do problema central: O sistema está em conformidade com as necessidades reais e o contexto da organização? E se for preciso realizar um conjunto de modificações para tornar seu funcionamento adequado após o teste e implantação?

 

A terceira possibilidade a ser analisada: o usuário/gestor conta com um sistema de gestão que atendeu a todas as expectativas em certo período de tempo. Não importa se desenvolvido ou adquirido. Entretanto, as organizações são dinâmicas, os cenários são mutáveis, e novas demandas com relação ao sistema começam a surgir. O gestor/usuário começa a esbarrar nas limitações que o sistema demonstra para ser adaptado às modificações: prazo, preço, esforço e restrições técnicas são os limites mais comuns.

 

O FRACTAL SYSTEM constitui um passo revolucionário para superar estes riscos e limitações.

 

Na fase de modelagem: o sistema pode ser construído e refinado em tempo real conforme os requisitos dos usuários/gestores, sem a necessidade programadores e analistas. Esta característica permite diminuir o risco de uma inadequação entre o sistema e a realidade da organização. O processo gradativo de modelagem pode ocorrer de modo simultâneo aos testes reais de sua funcionalidade na organização.

 

Após a implantação: o sistema pode ser modificado também em tempo real, sem a necessidade de programadores e analistas, mantendo preservados os dados e fotos das versões anteriores, o que proporciona um meio seguro, rápido e eficiente de manter o sistema em conformidade com a dinâmica da organização. Portanto, nada impede que o gestor/usuário modifique seu ponto de vista sobre a organização e deseje reconfigurar o seu sistema de gestão: a nossa ferramenta permite que isto ocorra, de forma imediata, preservando os dados e fotos das versões anteriores.

 

[1.10] EM SÍNTESE:

 

O FRACTAL SYSTEM permite a modelagem de uma solução conforme as necessidades do gestor/usuário que possa servir para a realização contínua de diagnóstico sistemático de todos os itens de interesse do negócio e da organização que resulte em consultas, relatórios e indicadores para as tomadas de decisões cotidianas e planejamento a curto, médio e longo prazo. A modelagem é realizada de forma on line e em tempo real sem recurso de programadores e analistas. A alimentação do sistema com fotos e dados de cada item de interesse pode ser realizada de forma on line com dispositivos móveis. Em resumo: tanto a modelagem do sistema quanto a sua alimentação com dados e fotos podem ser realizadas de forma on line e em tempo real.

 

 


 

Captura de tela de um sistema desenvolvido com o FRACTAL SYSTEM: perguntas e fotos de um salão de vendas (entidade) que integra um supermercado (objeto)

 

 


 

 

[2] O CICLO DA SOLUÇÃO

 

A arquitetura do FRACTAL SYSTEM  possui uma lógica que contempla as necessidades típicas de qualquer gestor. A modelagem consiste em construir a solução para cada organização, tipo de negócio e cliente específico a partir desta lógica, implantando os requisitos solicitados pelo usuário. A solução é desenvolvida, implantada e mantida através de um projeto que possui o seguinte CICLO:

 

FASE 1 - MODELAGEM DA SOLUÇÃO:

 

Os gestores da organização definem o modelo a ser adotado pela solução resultando em sistema de gestão específico. Nesta fase são implantados os requisitos definidos pelo gestor/usuário: o modelo da organização, os tipos de questionários a serem adotados no diagnóstico da organização, as normas e legislações aplicáveis, os parâmetros, as perguntas que compõem os questionários e demais itens de interesse. O trabalho de modelagem inicial é realizado pela equipe da Paradigma em função da visão oferecida pelos gestores/usuários da organização.

 

Prazo da Fase1:

 

Na medida em que a modelagem ocorre em tempo real esta etapa envolve, normalmente, 2 a 3 meses.

 

FASE 2 - UTILIZAÇÃO DA SOLUÇÃO:

 

Após o desenvolvimento do sistema específico ocorre sua efetiva implantação. Profissionais da Paradigma ou do próprio cliente podem atualizar o sistema com dados e fotos utilizando qualquer tipo de equipamento conectado à internet. A partir do momento em que os dados e fotos são preenchidos o gestor/usuário pode utilizar imediatamente o sistema de forma on line realizando consultas, emitindo relatórios e construindo simulações com os indicadores e índices gerados automaticamente pelo sistema.

 

Este mesmo sistema que resulta da modelagem inicial pode ser objeto de sucessivas atualizações em diferentes momentos definidos pelo gestor que por sua vez podem gerar consultas e relatórios específicos. Chamamos de “levantamento” o ciclo completo de diagnóstico de uma rede realizado em determinado período de tempo. Vamos supor que o gestor deseje realizar uma atualização mensal do sistema: portanto, ao ano serão realizados 12 levantamentos naquele ano, cada qual com seus resultados preservados com relação aos anteriores.

 

Prazo da Fase2:

 

Trata-se aqui de estimar o prazo de realização do diagnóstico – por exemplo - de uma rede de estabelecimentos. Ou seja, estimativa do prazo para que uma equipe de profissionais da Paradigma ou da própria organização leva para atualizar com dados e fotos o sistema de modo a efetivar um diagnóstico completo da rede de estabelecimentos do cliente utilizando os requisitos escolhidos. Exemplos de estimativa: [1] Uma rede de escolas municipais com 100 unidades: 40 dias úteis. [2] Uma rede de supermercados de porte médio/grande com 100 unidades: 60 dias úteis.

 

FASE 3 - ADEQUAÇÃO CONTÍNUA DA SOLUÇÃO:

 

Conforme foi explicado no item [1] o FRACTAL SYSTEM proporciona os meios para que o sistema seja modificado, em tempo real, no decorrer de seu ciclo de vida, conforme as necessidades dos usuários, sem a necessidade de programadores e analistas de sistemas, preservando os dados, fotografias e resultados dos indicadores das versões anteriores.

 

[3] A LÓGICA DA SOLUÇÃO

 

Uma questão central da nossa metodologia consiste na seguinte: desenvolver a solução em conformidade com a que visão do usuário possui dos OBJETOS do seu negócio e da sua organização. Este aspecto é algo que normalmente fica em segundo plano nas metodologias convencionais. O FRACTAL SYSTEM permite colocar em primeiro plano a construção dos objetos do usuário conforme o ponto de vista escolhido pelo usuário.

 

FRACTAL SYSTEM possui uma lógica e uma arquitetura para atender às necessidades típicas de um gestor/usuário a partir da modelagem de sua estrutura em conformidade com os seguintes componentes:

 

MODELAGEM DO OBJETO DE GESTÃO

Construção do objeto de gestão.

Composição do objeto de gestão a partir da definição de categorias e tipos de entidade que compõem a organização.

 

QUESTIONÁRIOS E PERGUNTAS PARA LEVANTAMENTO DE INFORMAÇÕES

Questionários ou formulários a serem preenchidos no decorrer do diagnóstico.

Perguntas a serem respondidas sobre cada item do objeto de gestão.

 

FOTOGRAFIAS

Fotografias que proporcionam imagens correlacionadas a cada pergunta aplicada em cada item de gestão.

 

CÁLCULO AUTOMÁTICO DE INDICADORES

Cálculo automático de índices e indicadores com base nas respostas das perguntas aplicadas a cada item do objeto de gestão. O gestor/usuário escolhe as perguntas que participarão do cálculo dos indicadores da organização.

Simulações com os índices e indicadores calculados. O gestor/usuário realiza diversas simulações mediante a modificação de parâmetros para avaliação do peso de diferentes fatores nos indicadores de desempenho da organização.

 

RELATÓRIOS

Relatórios com base nas respostas das perguntas aplicadas a cada item do objeto de gestão.

 

MAPAS PARA LOCALIZAÇÃO GEOGRÁFICA

Localização dos objetos de gestão com os seus respectivos indicadores e informações pertinentes.

 

INTERFACES PARA ATUALIZAÇÃO E CONSULTA

Interfaces para a consulta on line dos dados e fotos de cada entidade diagnosticada.

Interfaces para atualização on line dos dados e fotos de cada entidade diagnosticada.

 

 


 

Captura de tela do FRACTAL SYSTEM: mapa dinâmico com a localização dos objetos de gestão [aeroportos] e respectivos indicadores e informações de interesse

 

 

 

 


 

 

[4] A GESTÃO DO CONHECIMENTO DA ORGANIZAÇÃO SEGUNDO UM PONTO DE VISTA INTERDISCIPLINAR

 

O sistema pode ser modelado envolvendo as áreas de conhecimento que o gestor / usuário considerar mais adequadas para a resolução dos problemas organizacionais. O gestor/usuário pode escolher os aspectos qualitativos que nortearão o diagnóstico e as decisões da gestão organizacional. O mesmo ocorre com relação ao formato e conteúdo das perguntas que compõem o diagnóstico: perguntas envolvendo especificações, conformidade com normas técnicas e legais, manutenção, atendimento aos clientes, estoques, equipamentos, ou seja, o que considerar pertinente para a SOLUÇÃO DOS PROBLEMAS da gestão organizacional. Por isso, a solução constitui um ponto de vista interdisciplinar e dinâmico, podendo envolver todas as dimensões usuais e suas respectivas áreas de conhecimento.

 

De forma diversa do que ocorre com as ferramentas de “gestão de conteúdo” existentes no mercado, o FRACTAL SYSTEM constitui uma genuína ferramenta de gestão do conhecimento: proporciona o levantamento das informações a partir de uma organização de conceitos convergindo para conhecimentos referenciados no tempo e no espaço, acompanhados por imagens de cada item significativo da organização.

 

Desde a construção dos objetos do negócio do cliente até a formulação das perguntas que constarão no diagnóstico da organização, o processo é conduzido por um quadro conceitual que permite recuperar sistemicamente o conhecimento sobre a estrutura, processos e aspectos significativos da organização a partir de diversos pontos de vista setoriais constantes na modelagem.

 

[5] A MUDANÇA NA CULTURA DA ORGANIZAÇÃO

 

O gestor / usuário pode envolver a organização na modelagem e na utilização cotidiana do sistema de gestão construído a partir do FRACTAL SYSTEM.

 

Por um lado, o gestor pode envolver as diversas partes interessadas na modelagem das perguntas que serão adotadas no diagnóstico da organização. De forma metódica, a colaboração de cada parte interessada ou setor da organização pode convergir para a modelagem do sistema que resultará assim de um processo participativo e refletirá os anseios, expectativas e necessidades dos diversos componentes da organização. Na medida em que o FRACTAL SYSTEM proporciona a facilidade de modificar a modelagem em tempo real, todas as contribuições podem ter um retorno e uma visibilidade imediata por parte de todos os setores envolvidos. Uma forma prática de conduzir este processo consiste na seguinte: a equipe da Paradigma desenvolve a modelagem da estrutura, os questionários, as perguntas e formato dos indicadores; o gestor submete à crítica e propostas de retificação das partes interessadas; a equipe da Paradigma modifica em tempo real a modelagem em conformidade com os resultados do processo participativo.

 

Por outro lado, o gestor pode envolver os profissionais de diversos segmentos da organização na coleta de informações a partir do preenchimento dos questionários on line. Este processo compromete toda a organização em torno de um processo convergente e metódico de gestão do conhecimento. O gestor pode ter acesso em tempo real às informações coletadas em qualquer estabelecimento de sua rede, inclusive em localidades do exterior. Contudo, o mais importante é que o processo pode tornar cotidiano para cada profissional envolvido as regras e padrões adotados pela instituição em seus diversos setores. Por exemplo, como é possível verificar todas as condições de acessibilidade dos imóveis de uma rede a partir da norma NBR 9050? Um questionário calibrado com perguntas sobre as condições da norma pode ser preenchido por um grupo de funcionários envolvidos com este tipo de controle a partir da observação local e respectivo preenchimento das respostas, acompanhadas de fotografias em tempo real. Uma forma prática de conduzir este processo consiste na seguinte: a equipe da Paradigma pode realizar o primeiro diagnóstico completo da organização e, na etapa seguinte, treinar os funcionários da organização para assumirem a atualização dos dados e fotografias.

 

Estes dois exemplos indicam uma forte mudança na cultura organizacional: uma modelagem do sistema que comprometa todas as partes interessadas identificadas pelo gestor; um levantamento de informações e fotografias em tempo real que envolva todos os segmentos e setores da organização a partir de condições e requisitos que devam ser observados nas atividades cotidianas. É uma oportunidade para que os funcionários de uma organização deixem o ponto de vista contemplativo e assumam uma posição pró-ativa diante dos problemas cotidianos da gestão.

 

[6] AS INFORMAÇÕES E OS CONHECIMENTOS NECESSÁRIOS PARA DECISÕES ÁGEIS E OBJETIVAS

 

Todo gestor necessita de informações e conhecimentos sobre a organização segundo um ponto de vista sistêmico para planejar a curto, médio e longo prazo, e tomar decisões cotidianas. O gestor não pode ser surpreendido pelo desconhecimento de fatores que, muitas vezes, colocam em risco a organização, o patrimônio, a gestão corporativa ou a vida de pessoas. O FRACTAL SYSTEM proporciona a modelagem de sistemas que podem envolver todos os detalhes da organização em tempo real. As informações e imagens sobre cada detalhe podem ser atualizadas e consultadas a partir de qualquer equipamento conectado à internet, em qualquer local do planeta. Além disso, podem ser agrupadas em relatórios e indicadores on line.

 

Quando nos referimos ao conceito de “diagnóstico” entendemos que o gestor precisa de uma base expressiva de informações e conhecimentos para planejar e decidir nas organizações atuais. O diagnóstico pode dar lugar ao “monitoramento” caso os ciclos de levantamento sejam realizados em período de tempo menor e com foco mais delimitado. De qualquer forma, o conhecimento objetivo constitui a base segura das decisões e a nossa solução foi pensada para cumprir esta finalidade sem a necessidade de complexos processos de desenvolvimento, proporcionando o acesso aos amplos conjuntos de variáveis envolvidas nas organizações do mundo globalizado.

 

No fundo de todo o nosso trabalho nos colocamos sempre no lugar do usuário e imaginamos como deve ser mapa mental de um gestor a partir de um sistema que funcione como um reflexo de seu ponto de vista sobre a organização que ele administra.

 

Um mapa pelo qual o gestor percebe a organização com a mente a partir de uma abstração da estrutura e funcionamento de cada elemento da estrutura. Um mapa mental com perguntas que ele formula diariamente sobre cada item relevante da organização, acompanhadas de imagens sobre cada aspecto envolvido; com perguntas que convergem para sínteses na forma de relatórios e indicadores que permitirão resolver problemas, elaborar planos, estabelecer estimativas e riscos. Um mapa mental que deve localizar cada estabelecimento de sua rede segundo um ponto de vista da gestão territorial da organização.

 

Finalmente, um mapa mental que possua uma segura correlação com a realidade objetiva, possa ser compreendido e compartilhado com os outros gestores e atores da organização, proporcionando os meios para a resolução sistemática dos problemas da gestão de forma ágil e segura.

 

[7] O EXERCÍCIO DO PODER CORPORATIVO NA ORGANIZAÇÃO

 

FRACTAL SYSTEM foi concebido para a realização de modelagem de sistemas devidamente segmentados em termos de tipos de acessos a cada grupo de usuários da organização. O gestor define os perfis de acesso de cada grupo de usuários conforme suas necessidades tendo em vista os requisitos de governança corporativa e de segurança das informações. Por exemplo, quais usuários terão acesso mediante senhas e logins específicos a cada tipo de funcionalidade ou componente do sistema. 

 

O gestor poderá ainda definir grupos de funcionários ou setores que ficarão responsáveis pela atualização e/ou consulta a cada segmento ou tipo de informação. Todas essas possibilidades foram concebidas a partir da criação do FRACTAL SYSTEM e proporcionam um amplo espectro de opções para a definição do modelo de poder corporativo que integrará o sistema desenvolvido.